(021) 2431-3403    |    contato@visionbarra.com.br    |   

Cuidando da sua lente de contato

O primeiro passo antes de começar a usar lentes de contato é consultar um oftalmologista. O profissional vai realizar a adaptação correta da lente com a refração, tamanho e curvatura atualizados e adequados para cada tipo de córnea dos seus pacientes.

O uso incorreto ou a má qualidade da lente pode causar uma série de doenças oculares como ceratite (inflamação da córnea), úlcera de córnea e infecção ocular com sequelas que podem levar à cegueira. A longo prazo, o uso contínuo também oferece riscos como hipoxemia crônica (falta de oxigenação) e insuficiência límbica, que podem desencadear uma intolerância à lente, vascularização da córnea e perda visual.

Limpando as lentes

O segredo para evitar a contaminação por fungos e outros agentes externos ou infecções, está na manutenção. É preciso limpar e higienizar as lentes antes de usá-las com bastante assepsia, respeitando os prazos de validade de acordo com cada fabricante. Os prazos são importantíssimos, pois são estipulados depois de muitas pesquisas. Não respeitá-los pode alterar a permanência do oxigênio, a curvatura da lente, o aparecimento de depósitos de gordura, proteínas e detritos, que aumentam a chance de infecções e hipoxemia da córnea.

Ao manuseá-las, as mãos devem sempre estar limpas com água e sabão. Assim, deve-se tirá-las do estojo, colocá-las na palma da mão, massageando-as com a polpa dos dedos usando uma solução específica. Essa fricção vai eliminar a sujeira e resíduos da superfície. Depois de enxaguá-las com a solução, é possível colocá-las nos olhos com cuidado.  

O estojo que guarda a lente também deve ser higienizado com a própria solução e secado ao ar livre, sem lenços de pano ou papel para não deixar resíduos. A cada vez que as lentes são usadas, a solução usada para guardá-las deve ser trocada.

Evite:

– Usar água corrente;

– Substituir a solução pelo soro fisiológico, que não vai retirar gorduras, impedir a proliferação de microorganismos nem lubrificar corretamente as lentes.

Fonte: Medical Site